Não fazer atividades físicas pode diminuir o equilíbrio de diabéticos<br> - Diabetes, Vida e Comunidade

Não fazer atividades físicas pode diminuir o equilíbrio de diabéticos

14/11/2017 - http://www.otempo.com.br/interessa/sa%C3%BAde-e-ci%C3%AAncia


O Dia Mundial do Diabetes é lembrado nesta terça-feira (14) e traz um alerta para os cerca de 9 milhões de pessoas com a doença no país. Um novo estudo sugere que o sedentarismo contribui para o aumento de 21% nas quedas dos diabéticos. Os dados foram obtidos recentemente por pesquisadores da Universidade Federal de Viçosa (UFV), em Minas Gerais.

O experimento envolveu 45 participantes na faixa etária de 48 a 72 anos, em três grupos – 15 em cada. O primeiro era formado por diabéticos com neuropatia diabética (sensibilidade nas extremidades do corpo. O segundo, por pessoas sem neuropatia. O terceiro era um grupo de controle, composto por não diabéticos.

Usando um sistema de câmeras com imagens para análise tridimensional do movimento, os pesquisadores avaliaram a marcha dos três grupos, durante quatro dias. Os voluntários realizaram seis caminhadas de 8 m cada, sendo três iniciadas com o membro inferior esquerdo e outras três com o direito. No fim da análise dos dados, os pesquisadores descobriram que a velocidade da marcha sugeriu que os diabéticos apresentam chances de um evento de queda aproximadamente 21% maiores que as demais pessoas.

Segundo a professora Amanda Silvatti, uma das envolvidas no projeto, a pesquisa segue em andamento. “Vamos aumentar o número de participantes e acrescentar mais elementos ao projeto aqui na universidade. Nosso objetivo é pensar futuramente em um programa de atividade física voltado a esse público”, diz.

Faz bem quem faz. Segundo o fisioterapeuta Rogerio Celso Ferreira, professor da Universidade Salgado de Oliveira (MG), a atividade física deixa a parte muscular com mais competência para consumir a energia disponível no corpo.

“O exercício faz com que os tecidos trabalhem com mais eficiência, desenvolvendo uma série de adaptações bioquímicas ajudar o diabético a fazer qualquer tarefa utilizando menos glicose e, assim, precisando menos de insulina”, explica o especialista.

Para o endocrinologista Márcio Krakauer, diretor da Sociedade Brasileira de Diabetes (SBD), deixar o corpo em movimento diminui, e muito, as chances de complicações comuns do diabetes. “Além de uma alimentação balanceada, o diabético que faz atividade física ajuda a manter a glicose bem-controlada, o que evita o surgimento de doenças como hipertensão, lesões renais, cegueira e até amputações dos membros”, esclarece o médico.
A Comunidade DiabeteNet.Com.Br tem como finalidade informar e interagir com os seus usuários. Antes de qualquer decisão ou atitude, é indispensavel a discussão sobre os pontos aqui abordados juntamente com médicos de sua confiança.

Dê sua opinião sobre este conteúdo

Nuvem de tags deste conteúdo

Comentários sobre este conteúdo

Seja o primeiro a comentar este conteúdo!

Cadastre seu comentário!


Surgyplast


Noticias
  • Pesquisa
  • Associe-se
  • Fórum

Acompanhe nosso arquivo de conteúdo:

» « Novembro - 2017
D S T Q Q S S
   1234
567891011
12131415161718
19202122232425
2627282930  

© Copyright 1997-2017 - e.Mix

As informações apresentadas a você pelo DiabeteNet contém informações gerais.
Nenhuma informação deve ser interpretada como tratamento, diagnósticos, conselhos médicos e não deve substituir a orientação do seu Médico.