De bem com sua vida Sexual - Diabetes, Vida e Comunidade

De bem com sua vida Sexual

17/06/2004 - Comunidade DiabeteNet.Com.Br


Esta matéria foi gentilmente cedida pela revista 'De bem com a vida' - ma publicação da farmacêutica Roche Diagnósticos - com exclusividade à Comunidade DiabeteNet.Com.Br


 


De bem  com sua vida sexual


 


O sexo é uma necessidade básica. Por isso é tão importante para o nosso bem estar físico e emocional mantermos uma vida sexual ativa e saudável. Novos medicamentos, métodos contraceptivos modernos, e diversos outros incentivos, melhoraram substancialmente o desempenho sexual feminino e masculino.


Durante muito tempo, o universo das queixas sexuais foi dominado pela disfunção erétil, e pela dificuldade em atingir o orgasmo.  Até hoje, muitos homens e mulheres – com Diabetes ou não – vivem atormentados por esses tantasmas, que podem ser facilmente tratados e eliminados. Para você ficar de bem com a sua vida sexual, convidamos o renomado ginecologista e obstetra, Dr. José Bento de Souza para falar sobre o assunto.


Quais os cuidados a serem tomados por quem tem Diabetes e está iniciando a vida sexual?


Dr. José Bento: Os cuidados não são só para quem tem Diabetes, mas para todas as pessoas que estão iniciando a vida sexual. É necessário desmistificar que só as gatoras devem consultar o médico e se informar sobre métodos contraceptivos, fazer avaliação clínica e exames laboratoriais, saber se está com alguma infecção ou outro problema. Não se pode esquecer de que os garotos também necessitam cosultar um especialista para vericar se seus genitais estão em ordem, tomar conhecimento da prevenção de doenças sexualmente transmissíveis, métodos contraceptivos, fazer avaliação clínica e outros exames. No caso específico das farotas que tem Diabetes, deve-se ter cautela no uso de alguns métodos contraceptivos, como a pílula anticoncepcional que pode dificultar o controle do Diabetes.


A mulher com Diabetes tem maior ocorrFFência de infecção urinária? Por quê?


Dr. José Bento: Depende. Ela fica mais susceptível a algumas infecções genitais, caso esteja mal monitorada u tenha dificuladde de fazer o controle da taxa glicêmica. Mas em geral, a mulher tem mais infecção urinária do que o homem, porque sua uretra é menor. É importante que, antes e depois do coito, a mulher crie o hábito de urinar. Outra recomendação é tomar bastante líquido ao dia (2litros), justamente para lavar todas as vias urinárias. 


Existem alguns cuidados que a essoa que tem Diabetes deve tomar antes do casamentos?


Dr. José Bento: Sim, è importante fazer exames clínicos pré-nupciais. O  casal deve fazer avaliação da fertilidade e exames de reações sorológicas, como HIV, Hepatite e Sífilis. No rapaz, é necessária a avaliação dos testículos. Se tiver varizes no saco escrotal, isso pode diminuir a fertilidade. Também deve fazer espermograma. Essa conduta evita problemas futuros que venham a prejudicar o relacionamento do casal.


Há algum impedimento para a gestação de quem tem Diabetes?


Dr. José Bento: Sim. Para aquela mulher que tem, ou teve, complicações devido ao Diabetes tais como problemas renais, coma, ou deficiência vascular o cuidado deve ser redobrado, sendo importante conversar com o ginelogista. A gravidez de quem tem Diabetes é um assunto muito sério, por isso um bom controle é fundamental.


O pré-natal é igual para gestante com Diabetes?


Dr. José Bento: Não. O acompanhamento é multidisciplinar, sto é, deve ser feito não só pelo obstetra como deve ter a participação de outros profissionais, como endocrilogogista, a nutricionista e outros. A gestante deve estar consciente de que precisa ser muito disciplinada e fazer um controle mais rígido da alimentação, praticar atividade física e, claro, manter perfeita monitorização do Diabetes.


O que é menopausa?


Dr. José Bento: É a última menstruação. O que as pessoas chamam de menopausa é toda uma fase de uma etapa que os médicos chamam de climatério. Ele costuma ocorrer 2 a 3 anos antes da menopausa e se estende até 2 a 3 anos após.


Quais são os principais sintomas da menopausa?


Dr. José Bento: A  quantidade de hormônio feminino (estrógeno) diminui e a quantidade de hormônio masculino (testosterona) aumenta. Esse processo faz com que a mulher comece a apresentar alguns sintomas como secura vaginal, perda dos contornos femininos, cresscimento de pêlos pelo corpo. Além desses sintomas, ela pode apresentar insônia, irritabilidade, desânimo, depressão, choro fácil, aumento de peso e inibição da libido pela dor no ato sexual  no momento da penetração ao aumento de infecção urinária na região da uretra


Como minimizar esses sintomas?


Dr. José Bento: Tendo uma vida o mais saudável possível. A alimentação deve ser rica em isoflavonas. Uma boa sugestão é beber leite de soja, evitar comidas gordurosas, dar preferfência a legumes e verduras, fazer atividade física. Essa prática diminui o desânimo e a pessoa dorme melhor. Quem apresenta secura vaginal pode usar um gel local Em média, na mulher brasileira a menopausa ocorre aos 47 anos, mas os sintomas são iguais tanto para quem tem, como para quem não tem Diabetes. 


A vida sexual diminui com a chegada da menopausa?


Dr. José Bento: Pelo contrário. Quando a mulher entra na menopausa, geralmente, os filhos já saíram de casa e ela tem mais tempo para cuidar de si, para ser mais companheira do marido, vidjar, passear, curtir a vida. Não tem mais a responsabilidade da maternidade Também produz maior quantidade de testosterona em relação ao estrógeno, isso aumenta a libido. Agora, precisa ver o companheiro como está. Se ele bebe, fuma, tem uma vida sedentária, não vai estar tão apto para a vida sexual como ela. É importante ressaltar que a menopausa não deve ser encarada como antigamente. Antes via-se a última menstruação como o final de vida. Hoje não. A menopausa é a vista a seunda fase da vida, com mais experifência e maturidade. A mulher atinge o ápice de sua vida sexual aos 35 anos. Aí sim, começa a ter todos os proveitos de uma relação sexual que não tinha aos 20 anos.


O que é estar de bem com a vida sexual?


Dr. José Bento: Acho que é apresentar um relacionamento trasparente e uma grande cumplicidade . Todo o desempenho sexual deve ser prazeroso para ambos. Estar de bem com sua vida sexual é crescimento.

A Comunidade DiabeteNet.Com.Br tem como finalidade informar e interagir com os seus usuários. Antes de qualquer decisão ou atitude, é indispensavel a discussão sobre os pontos aqui abordados juntamente com médicos de sua confiança.

Dê sua opinião sobre este conteúdo

Comentários sobre este conteúdo

  • Rosilene
    08/04/2010 - 10:30

    Esses comentários sobre a saúde da mulher são ótimos. A vocês
    meus sinceros cumpimentos. Se possível mande-me a receitinha do remédio natural do Drº José sobre a menopausa.

  • pedro
    10/10/2010 - 17:15

    quais os sintomas da inpótencia sexual de quem tem diabetes

  • Lucas
    19/02/2012 - 11:54

    Ótimo, porém muito superficial.Caracteristica do Dr.Jose Bento e Dr.Drauzio Varela.

  • Lucas
    19/02/2012 - 11:55

    Ótimo, porém muito superficial.Caracteristica do Dr.Jose Bento e Dr.Drauzio Varela.

  • adriana
    18/03/2012 - 11:00

    Bom dia Dr. Jose Bento gostaria d saber qual porke as mulheres diabeticas tem + predisposição ater infecção urinaria? Obrigada.

  • Lucia Helena
    05/12/2012 - 15:30

    Dr. Jose Bento tenho 55 anos e estou precisando de um remedinho. para a menopausa . para minha vida sesual voltaa fica bem

Cadastre seu comentário!


Surgyplast


Entrevistas
  • Pesquisa
  • Associe-se
  • Fórum

Acompanhe nosso arquivo de conteúdo:

» « Novembro - 2017
D S T Q Q S S
   1234
567891011
12131415161718
19202122232425
2627282930  

© Copyright 1997-2017 - e.Mix

As informações apresentadas a você pelo DiabeteNet contém informações gerais.
Nenhuma informação deve ser interpretada como tratamento, diagnósticos, conselhos médicos e não deve substituir a orientação do seu Médico.