Diabetologuês - Diabetes, Vida e Comunidade

Diabetologuês

01/04/2002 - DiabeteNet.Com.Br


Antes de passarmos adiante, de forma simples e objetiva, com os diversos aspectos do Diabetes mellitus (aqui sob a forma de questionário), trazemos ao conhecimento do leitor o que chamamos de DIABETOLOGUÊS, ou seja, um vocabulário básico e simplificado dos principais termos relativos ao assunto:
Muitas vezes nós falamos em glicemia, cetonúria, entre outros termos um pouco mais técnicos que acabam compondo uma linguagem específica para o entendimento do diabetes e seus aspectos.

Elaboramos um resumo prático dos principais termos utilizados e seus significados para facilitar a educação e o conhecimento acerca do assunto, os quais ouvimos médicos e educadores abordando correntemente e que por vezes não temos nem idéia do que se trata.

* Células beta: células responsáveis pela secreção da insulina.
* Ceto-acidose: complicação aguda do diabetes resultante da presença de corpos cetônicos em elevados níveis de concentração no organismo.
* Cetonúria: nível de concentração de corpos cetônicos na urina.
* Complicações agudas: são as que aparecem rapidamente em um determinado momento, com intensidade.
* Complicações crônicas: são as que demoram um certo tempo de diabetes até se manifestarem, muitas vezes comprometendo diversas outras funções ao longo deste tempo.
* Bomba de infusão de insulina: aparelho destinado a simular o trabalho do pâncreas quanto à liberação de quantidades adequadas de insulina. Também conhecido por Pâncreas Artificial.
* Diabético Tipo I: indivíduo com Diabetes mellitus normalmente magro, criança, ou jovem adulto, insulino-dependente, desenvolvimento do diabetes a partir de problemas do sistema imunológico.
* Diabético Tipo II: indivíduo com diabetes mellitus normalmente obeso ou com excesso de peso, acima de 40 anos, não dependente de insulina, desenvolvimento do diabetes a partir da falta ou deficiência nos receptores celulares sensíveis à insulina.
* Edulcorantes: toda espécie de substância que tenha por objetivo adoçar alimentos ou bebidas.
* Glicemia: nível de concentração de glicose (açúcar) no sangue.
* Glicofita: fita reagente, para a determinação da concentração de glicose podendo utilizar o sangue ou a urina como material de verificação.
* Glicosímetro: aparelho destinado a medir a concentração de glicose no sangue.
* Glicosúria: nível de concentração de glicose na urina.
* Hiperglicemia: alta concentração de glicose no sangue.
* Hipoglicemia: baixa concentração de glicose no sangue.
* Hipoglicemiante oral: comprimidos utilizados no tratamento de diabéticos não insulino-dependentes
(Tipo-II).
* Insulina: hormônio secretado pelo pâncreas que é responsável pelo transporte da glicose para o interior das células do organismo.
* Insulino-dependente: diabético que necessita de injeções de insulina para o tratamento.
* Não insulino-dependente: diabético que não precisa das injeções de insulina diariamente. Seu controle muitas vezes é feito apenas com dieta, exercícios e hipoglicemiantes orais conforme o caso.
* Nefropatia diabética: complicação crônica do diabetes relacionada aos rins.
* Neuropatia diabética: complicação crônica do diabetes relacionada ao sistema nervoso.
* Pâncreas: glândula mista que possui, entre outras funções, a de secretar insulina.
* Polidipsia: ingestão exagerada de líquidos.
* Polifagia: ingestão exagerada de alimentos.
* Poliúria: eliminação excessiva de urina.
* Polidipsia/Polifagia/Poliúria: constituem os principais sintomas do diabetes.
* Retinopatia: complicação crônica do diabetes relacionada à acuidade visual.

Estes são os principais termos utilizados no trato do diabetes. Lembramos que neste momento foram expostos de maneira simplificada por motivos didáticos.

Qualquer dúvida um pouco mais profunda deve ser levada ao seu médico que certamente lhe dará maiores detalhes sobre cada situação aqui apresentada.
Para auxiliar diabéticos em situações de emergência no exterior temos a tradução da frase: "Eu sou diabético! Preciso de um médico!" a seguir:

Inglês: I am diabetic! I need a doctor!
Francês: Je souis diabétique! J'ai besoin d'un médecin!
Italiano: Io sono diabetico ed ho bisogno di un medico!
Espanhol: Yo soy diabetico! Necessito de un medico!
Alemão: Ich bin Zuckerkrank! Rufen Sie bitte einen Arzt!
A Comunidade DiabeteNet.Com.Br tem como finalidade informar e interagir com os seus usuários. Antes de qualquer decisão ou atitude, é indispensavel a discussão sobre os pontos aqui abordados juntamente com médicos de sua confiança.

Dê sua opinião sobre este conteúdo

Comentários sobre este conteúdo

  • JOSIANE
    05/10/2010 - 23:37

    QUERO SABER PORQUE UM PACIENTES QUE E DIABETICOSUM DOS SINTOMAS SÃO A POLIFAGIA E A POLIÚRIA QUAL A DIFERENÇA ENTRE OS DOIS E PORQUE ISSO ACONTECE?

  • Patricio
    03/09/2012 - 00:46

    tenho 34 anos sou diabetico tipo1 insulino-dependente ha 10 anos estou com diabetica por fretinopatia avor estou muito preucupado

Cadastre seu comentário!


Surgyplast


Dicas
  • Pesquisa
  • Associe-se
  • Fórum

Acompanhe nosso arquivo de conteúdo:

» « Novembro - 2017
D S T Q Q S S
   1234
567891011
12131415161718
19202122232425
2627282930  

© Copyright 1997-2017 - e.Mix

As informações apresentadas a você pelo DiabeteNet contém informações gerais.
Nenhuma informação deve ser interpretada como tratamento, diagnósticos, conselhos médicos e não deve substituir a orientação do seu Médico.