Descarte Seguro - Diabetes, Vida e Comunidade

Descarte Seguro

28/07/2009 - SURGYPLAST


O que significa descarte seguro?

É a maneira ideal de desprezarmos materiais contaminados sem prejuízo as pessoas e ao meio ambiente utilizando recipientes apropriados e seguros

O que são resíduos biológicos domiciliares?

São os fluidos corporais, sangue, secreções, eliminação de fezes e urina, que podem ser fatores de contaminações e disseminação de doenças

Nos últimos anos, as pessoas vêm conscientizando-se que a reutilização de seringas e agulhas não é bom para a saúde e tão pouco para a aplicação, já que torna essa a aplicação desconfortável. Conseqüentemente, houve um aumentou considerável no volume destes resíduos no tratamento do diabetes. Quais os danos que podem causar ao meio ambiente no descarte inadequado?

Como sabemos, a promoção da saúde e a prevenção de doenças necessitam de um conjunto de medidas e cuidados (alimentação adequada, higiene, exercícios físicos, equilíbrio emocional, condições adequadas de habitação e saneamento, etc.) e um meio ambiente protegido e preservado. Lixo e resíduos lançados indiscriminadamente agridem as pessoas os animais e o ambiente, gerando doenças, acidentes e varias formas de contaminação

Especificamente para quem tem diabetes, quais são os materiais que devem ser descartados em recipientes adequados?

Os materiais como seringas agulhas e lancetas, algodão, tiras reagentes, enfim materiais necessários para o controle e tratamento do diabetes

Quais os cuidados para um descarte seguro?

Ter um local apropriado e seguro que não permita a contaminação

Quais os riscos de acidentes provocados por resíduos biológicos domiciliares

São os riscos que existem devido ao descarte e manuseio inadequado sem proteção adequada, do lixo comum e do lixo hospitalar. Resíduos orgânicos contaminando água, meio ambiente, etc.

O que levar em conta na hora de escolher o coletor ideal para materiais perfuro cortantes?

Segurança, praticidade, tamanho adequado, facilidade para manusear e utilizar o produto, higiênico e de fácil transporte

Que destino deve ser dado ao coletor quando estiver cheio?

Deve ser descartado e coletado separadamente para ser encaminhado aos serviços de coleta do  município que encaminham o lixo domiciliar e o lixo hospitalar

Consultoria

Noemi Dias de Souza Perrota
Enfermeira / Mestre em Lingüística
Professora do curso de graduação em enfermagem da UNIPAC -Itajuva - MG
Professora do curso técnico de enfermagem do colégio tecnológico Delfim Moreira / Santa Rita do Sapucaí

Apoio / Divulgação

A Comunidade DiabeteNet.Com.Br tem como finalidade informar e interagir com os seus usuários. Antes de qualquer decisão ou atitude, é indispensavel a discussão sobre os pontos aqui abordados juntamente com médicos de sua confiança.

Dê sua opinião sobre este conteúdo

Nuvem de tags deste conteúdo

Comentários sobre este conteúdo

  • mariza
    29/07/2009 - 13:13

    No parágrafo que diz "Nos últimos anos, as pessoas vêm conscientizando-se que a reutilização de seringas e agulhas não é bom para a saúde e tão pouco para a aplicação, já que torna essa a aplicação desconfortável". Fica muito difícil e oneroso seguir tal orientação. Como estou desempregada há muitos anos, recebo gratuitamente a insulina e as seringas (Posto de Saúde), mas eles dão no máximo de 12 a 15 seringas/mês, então, sempre temos que passar este desconforto por utilizar 2 a 3 vezes a mesma seringa. Os governos Federal, Estaduais e Municipais, deveriam ter conhecimento sobre isto e aplicá-los.

  • DIRCE
    02/01/2012 - 12:53

    mande me por favor a maneira correta de quardar os
    fracos na geladeira. devo deixar uma ahulha com seringa no frasco? devo desinfetar com alcool 70 antes de utilisa-la? como é que deixo, insulina regular que faço uso.

Cadastre seu comentário!


Surgyplast


Entrevistas
  • Pesquisa
  • Associe-se
  • Fórum

Acompanhe nosso arquivo de conteúdo:

» « Abril - 2017
D S T Q Q S S
      1
2345678
9101112131415
16171819202122
23242526272829
30      

© Copyright 1997-2017 - e.Mix

As informações apresentadas a você pelo DiabeteNet contém informações gerais.
Nenhuma informação deve ser interpretada como tratamento, diagnósticos, conselhos médicos e não deve substituir a orientação do seu Médico.