- Diabetes, Vida e Comunidade

Cientistas desenvolvem “tatuagem” para diabéticos medirem glicose

7/6/2010 - R7


A famosa picadinha no dedo, que os diabéticos precisam fazer todos os dias para medir o nível de glicose no sangue, pode ficar para trás no futuro.

Cientistas do MIT (Instituto de Tecnologia de Massachusetts), nos Estados Unidos, estão desenvolvendo um novo tipo de medidor de glicose que não apenas elimina a picada do dedo como também fornece resultados mais precisos.

O novo método consiste na aplicação, embaixo da pele, de uma “tatuagem” de nanopartículas: uma espécie de tinta que contém partículas capazes de detectar a glicose no sangue.

Para saber o nível da glicose, o paciente precisa usar um aparelho parecido a um relógio de pulso em cima da “tatuagem”.

Esse leitor recebe a informação coletada pelas nanopartículas e emite luzes infravermelhas que indicam a taxa de glicose sanguínea.

Paul Barone, pesquisador do Departamento de Engenharia Química do MIT, afirma que os pesquisadores ainda estão trabalhando para melhorar a precisão do sistema, que promete ser mais exato do que os atuais medidores.

- O diabetes é um problema enorme, de âmbito mundial. Mas, apesar de décadas de avanços de engenharia, a nossa capacidade de medir com precisão a glicose no corpo humano continua a ser bastante primitiva.

Quando chega ao mercado?

Apesar do anúncio dos cientistas, Barone afirma que o novo método está muito longe de ser usado por humanos. Ele ainda sequer foi testado em animais, o que o cientista diz ser fundamental para determinar o valor da descoberta.

- Não dá pra saber o quanto isso será bom até você testar em alguém e verificar a força do sinal [emitido].

Até lá, os portadores de diabetes que precisam medir a glicose no sangue continuarão utilizando os atuais aparelhos.

A Comunidade DiabeteNet.Com.Br tem como finalidade informar e interagir com os seus usuários. Antes de qualquer decisão ou atitude, é indispensavel a discussão sobre os pontos aqui abordados juntamente com médicos de sua confiança.

Dê sua opinião sobre este conteúdo

Nuvem de tags deste conteúdo

Comentários sobre este conteúdo

  • Jesus
    1/8/2010 - 11:30

    sera possivel adquerir a fita gratis aonde.

  • Niuza Fiuza
    31/7/2011 - 15:04

    O que posso dizer: minha filha de 12 anos foi diagnosticada com Diabetes tipo I. No dia que fez 1 aninho. Foi um sufoco. Muita informação falsa. me disseram até que ela morreria antes dos 7 anos.A médica dela me disse que suas mãos e pés não cresceriam, e que ela ficaria bem pequena (baixinha). Apesar das glicemias ficarem instáveis nestes últimos 11 anos, ela não só cresceu muito, 1 metro e 60cm. como tem mãos e pés normais já calça numero 36. imaginem o quanto sofri com a falsa informação da medica. Hoje posso dizer que minha filha é mais saudável que suas amiguinhas. ela não vai a médicos a anos. Só em caso de febre por causa de alguma gripinha. Ela é muito inteligente,e se desenvolve naturalmente. Nem liga com as picadas nos dedos, uma dica passem a picar nos dedos dos pés. ela já faz isso desde os 2 aninhos. Fura os das mãos e dos pés. Fala que a insulina não doe nada. Se alimenta muito bem, e estamos felizes. Nunca teve hipoglicemia grave, alimenta de 2 em 2 horas. faz exercícios e é a alegria da casa. Ela canta e encanta a todos. resumindo Gente Diabetes não é nem um bicho de 7 cabeças. É só se cuidar . lembre sempre de que precisam de insulina, exercício físico, alimentação saudável. Faça sua parte e a natureza fará o resto. Espero a cura desde 1999. 12 anos e nada mudou. O jeito é se adaptarem. vivam cada dia como se fosse o último, sejam felizes. bjos

  • Niuza Fiuza
    31/7/2011 - 15:04

    O que posso dizer: minha filha de 12 anos foi diagnosticada com Diabetes tipo I. No dia que fez 1 aninho. Foi um sufoco. Muita informação falsa. me disseram até que ela morreria antes dos 7 anos.A médica dela me disse que suas mãos e pés não cresceriam, e que ela ficaria bem pequena (baixinha). Apesar das glicemias ficarem instáveis nestes últimos 11 anos, ela não só cresceu muito, 1 metro e 60cm. como tem mãos e pés normais já calça numero 36. imaginem o quanto sofri com a falsa informação da medica. Hoje posso dizer que minha filha é mais saudável que suas amiguinhas. ela não vai a médicos a anos. Só em caso de febre por causa de alguma gripinha. Ela é muito inteligente,e se desenvolve naturalmente. Nem liga com as picadas nos dedos, uma dica passem a picar nos dedos dos pés. ela já faz isso desde os 2 aninhos. Fura os das mãos e dos pés. Fala que a insulina não doe nada. Se alimenta muito bem, e estamos felizes. Nunca teve hipoglicemia grave, alimenta de 2 em 2 horas. faz exercícios e é a alegria da casa. Ela canta e encanta a todos. resumindo Gente Diabetes não é nem um bicho de 7 cabeças. É só se cuidar . lembre sempre de que precisam de insulina, exercício físico, alimentação saudável. Faça sua parte e a natureza fará o resto. Espero a cura desde 1999. 12 anos e nada mudou. O jeito é se adaptarem. vivam cada dia como se fosse o último, sejam felizes. bjos

  • Ticiane
    3/10/2011 - 00:30

    Boa Noite, tenho diabetes des dos meus 8 anos de idade, hoje com 19 vivo "normalmente", comentarios dos medicos como os da nossa amiga acima é um absurdo, diabetes não retarda o crescimento de nada, as comlicações do diabetes são totalmente diferente dessas citadas. Uma coisa muito importante também é manter um acompanhamento médico, lembrando com um bom medico, pois, o mesmo fara exmes para saber se os rins estão bons, exame de vista para vericar a retna e as veias dos olhos, sem esse acompanhamento as piores coisas vão acontecendo e você só vai saber depois que não tiver pra onde correr. Também espero a cura a muito tempo, já me iludi muito com " A DESCOBRIRAM A CURA DO DIABETES", desiludi e resolvi viver a vida, quando aparecer defitivamente a cura amém, que nos curem, mas não vivo pensando nisso, não perco meu tempo.

  • Mit
    5/4/2012 - 06:06

    Eu gostaria, que muito em breve este problema da Diabetes, fosse eliminado da face da terra para sempre.
    O que eu tenho a dizer sobre isto, e que já passaram decadas e decadas, e ainda finalmente nada, neste campo.

  • KÁTIA PENHA SANTOS
    26/4/2012 - 13:35

    SOU VOLUNTÁRIA, COBAIA PARA TESTES. SE QUISEREM....

  • Teste
    7/7/2012 - 03:55


    KÁTIA PENHA SANTOS
    26/4/2012 - 13:35

    SOU VOLUNTÁRIA, COBAIA PARA TESTES. SE QUISEREM....

    kkk boa

  • Teste
    7/7/2012 - 04:05

    A industria farmaceutica é muito forte! Era pra ter cura pra diabetes a muitos anos! O lucro é astronomico, eu quando gasto pouco por mês gasto na faixa de 500 reais... E cuidado com endocrinologistas já fui em pelo menos 30, alguns parei de ir pq mudei de cidade, plano de saúde ou cortaram convenio etc... dos 30 uns 5 sabiam menos que eu sobre diabetes... uns 22 são mediocres pra baixo... e uns 3 eram realmente bons... médico bom não é aquele que fica batendo papo furado com você no consultorio... endocrino que se formou na decada de 90, 80, 70 e não se atualizou tambem não presta! Mas força ai pra todos diabéticos... Acho que a chave pra melhor qualidade de vida e longividade é a atividade física!

Cadastre seu comentário!

253 Usuários On-Line




Surgyplast


Novos Associados

Bem-vindos:

  • Sandra - PE
  • Robson - SP
  • Valter - SP
  • Martha - PR
  • Clovis - RJ
  • Carlos frança - BA
Artigos
  • Pesquisa
  • Associe-se
  • Fórum

Acompanhe nosso arquivo de conteúdo:

» « Novembro - 2014
D S T Q Q S S
      1
2345678
9101112131415
16171819202122
23242526272829
30      

As informações apresentadas a você pelo DiabeteNet contém informações gerais.
Nenhuma informação deve ser interpretada como tratamento, diagnósticos, conselhos médicos e não deve substituir a orientação do seu Médico.