Criada consulta de pé diabético em centro de saúde de Coimbra - Diabetes, Vida e Comunidade

Criada consulta de pé diabético em centro de saúde de Coimbra

19/03/2012 - RCM Pharma


 

Uma consulta do pé diabético vai funcionar, a partir da próxima semana, no centro de saúde São Martinho do Bispo, em Coimbra, no âmbito de um projeto da Associação Saúde em Português apresentado esta segunda-feira, avança a agência Lusa.


Inserida no projeto “Venha pelo seu pé”, a consulta vai integrar quatro médicos, mais o coordenador, igual número de enfermeiros, um podologista e um técnico administrativo, que vão atuar junto dos doentes diabéticos da área deste centro de saúde, disse esta segunda-feira à Agência Lusa o presidente da Saúde em Português – Associação de Profissionais de Cuidados de Saúde dos Países de Língua Portuguesa.


“O pé diabético é uma das complicações mais graves da ‘diabetes mellitus’. É responsável por 40 a 60 por cento das amputações feitas por causas não traumáticas”, disse o médico.


A prevenção e o despiste dos pés em risco, através da sua observação direta, e a vigilância da evolução do pé diabético, são alguns dos objetivos desta consulta específica.


De acordo com o presidente da associação com sede em Coimbra, o projeto, com a duração de 12 meses, compreende ainda um "workshop" sobre pé diabético, oito sessões para a saúde, uma caminhada e um seminário destinado aos profissionais de saúde.


Está prevista também uma investigação científica com uma amostra representativa da população-alvo abrangida pelo centro de saúde São Martinho do Bispo (cerca de 26 mil pessoas) e a criação de um blogue informativo.


Segundo dados do presidente da Saúde em Português, nos países ocidentais, 25 por cento da população diabética vem a desenvolver uma úlcera no pé e 50 por cento das úlceras infectam.
Estima-se que 25 a 50 por cento dos pés diabéticos com úlcera infectada virão a sofrer algum grau de amputação, adiantou.


“Em relação ao pé diabético, a nossa preocupação é não deixar que surja o agravamento, particularmente expresso através das úlceras”, frisou o médico.


O pé diabético é o principal motivo de ocupação de camas hospitalares pelos doentes com esta patologia, disse ainda o presidente da Saúde em Português.


De acordo com Hernâni Caniço, estima-se que 12 por cento da população portuguesa seja diabética, mas apenas seis a oito por cento se encontra diagnosticada.


Apoiado pela Direção-geral de Saúde, o projeto, cujo público-alvo são doentes diabéticos, foi apresentado esta segunda-feira à tarde na sede da associação.


O seu objetivo - lê-se numa nota de imprensa - é promover a saúde, prevenção e tratamento da diabetes, reabilitação, redução de danos e reinserção, com o desenvolvimento de ações de educação para a saúde e promoção de estilos de vida saudável.

A Comunidade DiabeteNet.Com.Br tem como finalidade informar e interagir com os seus usuários. Antes de qualquer decisão ou atitude, é indispensavel a discussão sobre os pontos aqui abordados juntamente com médicos de sua confiança.

Dê sua opinião sobre este conteúdo

Nuvem de tags deste conteúdo

Comentários sobre este conteúdo

Seja o primeiro a comentar este conteúdo!

Cadastre seu comentário!


Surgyplast


Noticias
  • Pesquisa
  • Associe-se
  • Fórum

Acompanhe nosso arquivo de conteúdo:

» « Novembro - 2017
D S T Q Q S S
   1234
567891011
12131415161718
19202122232425
2627282930  

© Copyright 1997-2017 - e.Mix

As informações apresentadas a você pelo DiabeteNet contém informações gerais.
Nenhuma informação deve ser interpretada como tratamento, diagnósticos, conselhos médicos e não deve substituir a orientação do seu Médico.