Projeto da Associação dos Diabéticos de Foz do Iguaçu é selecionado pelo Funcriança - Diabetes, Vida e Comunidade

Projeto da Associação dos Diabéticos de Foz do Iguaçu é selecionado pelo Funcriança

22/12/2014 - Clickfoz


O projeto “Doce desafio”, da Associação dos Diabéticos de Foz do Iguaçu – Adifi –, foi selecionado pelo Fundo dos Direitos da Criança e do Adolescente (Funcriança) e poderá ser beneficiado com a destinação de parte do Imposto de Renda devido por pessoas físicas ou jurídicas, além de doações voluntárias e de recursos públicos.

A Adifi fez parte, este ano, do Banco de Projetos do Força Voluntária 2014, da Itaipu Binacional, em reconhecimento ao trabalho de conscientização desenvolvido na instituição sobre o tratamento da diabetes, doença crônica que também atinge crianças e adolescentes.

O público-alvo do projeto “Doce desafio” são 65 crianças e adolescentes portadores de Diabetes Mellitus (DM) Tipo 1 e também suas famílias, o que corresponde a cerca de 300 pessoas, moradoras de Foz do Iguaçu e região, além de brasileiros que residem no Paraguai.

Inovador - O projeto tem como um dos objetivos proporcionar uma melhor vivência e fortalecer os vínculos dos portadores do diabetes com a família e a comunidade, já que doenças crônicas podem provocar impactos devastadores em uma criança ou adolescente.

A proposta é ajudar os portadores a lidar com a doença, que exige limitações da dieta alimentar, e estimular sua independência. O projeto tem como foco, ainda, o desenvolvimento de mecanismos de autonomia e trocas de experiências em grupo. As principais ações previstas no projeto são terapia comunitária integrativa, cozinha experimental diet, atendimento biopsicossocial, colônia de férias para adolescentes diabéticos e palestras.

Esse projeto foi reconhecido como inovador e de reconhecido impacto social pelo Funcriança e, com isso, poderá se beneficiar com recursos desse fundo, que tem CNPJ próprio, criado por lei, e é composto pela destinação de parte do Imposto de Renda devido por pessoas físicas ou jurídicas, além de doações voluntárias e de recursos públicos.

Como doar - Para doar ao Funcriança e beneficiar entidades como a Adifi, as regras são simples e semelhantes para as pessoas jurídicas e pessoas físicas.

Um percentual do valor do Imposto de Renda devido do ano-calendário pode ser repassado para o fundo dos Direitos da Criança e do Adolescente, no limite de até 1% para pessoas jurídicas e até 6% do Imposto de Renda Devido para pessoas físicas.

O valor doado, que deixa de entrar nos cofres públicos da União, compensa, via isenção fiscal, a parte do Imposto Devido que não foi recolhida para efeitos de quitação do contribuinte junto ao fisco.

Os valores deduzidos a título de doação sujeitam-se à comprovação, por meio de recibos emitidos pelo Conselho dos Direitos da Criança e do Adolescente CMDCA – órgão gestor do Fundo beneficiário da doação - que devem ser solicitados à Coordenação do Funcriança.

Outras informações podem ser obtidas pelo (45) 2105-1417 ou (45) 2105-1572.

A Comunidade DiabeteNet.Com.Br tem como finalidade informar e interagir com os seus usuários. Antes de qualquer decisão ou atitude, é indispensavel a discussão sobre os pontos aqui abordados juntamente com médicos de sua confiança.

Dê sua opinião sobre este conteúdo

Nuvem de tags deste conteúdo

Comentários sobre este conteúdo

Seja o primeiro a comentar este conteúdo!

Cadastre seu comentário!


Surgyplast


Noticias
  • Pesquisa
  • Associe-se
  • Fórum

Acompanhe nosso arquivo de conteúdo:

» « Novembro - 2017
D S T Q Q S S
   1234
567891011
12131415161718
19202122232425
2627282930  

© Copyright 1997-2017 - e.Mix

As informações apresentadas a você pelo DiabeteNet contém informações gerais.
Nenhuma informação deve ser interpretada como tratamento, diagnósticos, conselhos médicos e não deve substituir a orientação do seu Médico.