Projeto da UnB oferece acompanhamento físico a diabéticos - Diabetes, Vida e Comunidade

Projeto da UnB oferece acompanhamento físico a diabéticos

23/04/2016 - Metrópoles


Fazer atividades físicas é uma das alternativas para driblar os efeitos de quem tem diabetes. Pensando nisso, um grupo da Universidade de Brasília (UnB) oferece acompanhamento supervisionado durante atividades físicas para pessoas que têm a doença.

Com o nome de Doce Desafio, o projeto foi criado em 2001 e já acompanhou pelo menos 800 diabéticos, de crianças a idosos, em 20 mil atendimentos. É coordenado pela professora da UnB Jane Dullius. Diabética desde 1971, ela é mestre em educação, licenciada em Educação física, técnica em alimentos e membro de sociedades cientificas nacionais e internacionais.

Nos encontros, profissionais da área de educação física dão aulas de alongamentos e promovem atividades aeróbicas. Durante as atividades, a glicemia e a pressão arterial dos alunos são monitoradas.

Quem quiser participar deve separar os exames, as prescrições médicas e procurar o grupo na UnB. Mais informações pelo (61) 3307-2609, ramal 247, pelo e-mail diabetes@unb.br ou pessoalmente na sala do Doce Desafio, localizada no Centro Olímpico da UnB. O funcionamento é de segunda a sexta-feira, das 8h às 12h e das 14h às 18h.

A Comunidade DiabeteNet.Com.Br tem como finalidade informar e interagir com os seus usuários. Antes de qualquer decisão ou atitude, é indispensavel a discussão sobre os pontos aqui abordados juntamente com médicos de sua confiança.

Dê sua opinião sobre este conteúdo

Nuvem de tags deste conteúdo

Comentários sobre este conteúdo

Seja o primeiro a comentar este conteúdo!

Cadastre seu comentário!


Surgyplast


Noticias
  • Pesquisa
  • Associe-se
  • Fórum

Acompanhe nosso arquivo de conteúdo:

» « Novembro - 2017
D S T Q Q S S
   1234
567891011
12131415161718
19202122232425
2627282930  

© Copyright 1997-2017 - e.Mix

As informações apresentadas a você pelo DiabeteNet contém informações gerais.
Nenhuma informação deve ser interpretada como tratamento, diagnósticos, conselhos médicos e não deve substituir a orientação do seu Médico.